quinta-feira, 17 de março de 2011

Marcos Prisco & Divaldo Pereira Franco

Linhas de Evolução

"Caridade e humildade, tal a senda única da salvação."
(Alan Kardec. E.S.E. Cap.XV. Item 5.)


            Observando os companheiros a quem você deseja ajudar, seja breve na exposição e demorado no socorro. 
            Sem o suor do exemplo, os mais belos comentários perdem a legitimidade. 
            Utilize-se do poço do caminho, sem lhe tisnar a limpidez das águas. Mais tarde você poderá necessitar dele novamente. 
            Seu vestuário desvela para os outros suas íntimas inclinações. Use a roupa, sem a ela escravizar-se. 
            Mantenha a higiene de seu corpo para preservar a saúde. No entanto, viver excessivamente preocupado com a limpeza é sintoma de desequilíbrio. 
            Cobiçando o melhor de cada dia, viva cada minuto nobremente, como se fosse o último a que você tivesse direito. O depois começa agora. 
            Pare para refletir, não obstante sabendo refletir para não parar. Quem avança, sem estacionar, pára sem forças para avançar. 
            Planifique, antes de agir, e demonstrará respeito pelo serviço. Evite, porém, planificar assoberbado de preocupações, pois que assim você jamais realizará algo. 
            Se você acredita em felicidade vivendo a sós, disponha-se para inquietantes aflições. A gota de orvalho no deserto reflete a glória de longínqua estrela, mas não dá vitalidade à terra onde se aquieta e consome, sem ajudar. 
            Em todas as conjunturas de sua vida, recorde-se da caridade, primeiro, e da humildade, logo depois. 
            "Caridade e humildade, tal a senda única da salvação." 

(De “Glossário Espírita-Cristão”)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...