terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Valiosa lembrança

Trabalha, criando o bem que puderes.
Serve a quantos encontres.
Sê bondade e socorro, apoio e eficiência.
Mas sempre que te sintas indispensável, lembra o coto de vela, guardado em alguma parte,
que se te faz instrumento da luz, quando a lâmpada, à noite, estiver apagada.

(De “Centelhas”, de Francisco Cândido Xavier, pelo Espírito Emmanuel)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...