sábado, 23 de novembro de 2013

Pensa em Deus

Muitas são as calamidades que assolam ainda o mundo.
Entretanto, pensa em Deus quando o pessimismo te fale em destruição.
O Criador deixa ao homem a liberdade de pensar com a obrigação de colhe os frutos das sementes que haja plantado em suas escolhas e, por isso mesmo, ante as provações coletivas que o Homem venha a suscitar, a própria Divina Providência o auxilia a atenuá-las ou suprimi-las, pouco a pouco.
Na vida individual, porém, a Presença Divina é mais perceptível ao coração acordado na fé.
Saibamos recordar.
É provável que problemas de intrincada complexidade, em vários passos da existência, te hajam repontado da estrada, subtraindo-te a segurança.
Mas Deus, sem que o soubesses, te induziu a soluções inesperadas, restituindo-te a paz de espírito.
Enfermidades estranhas combaliram-te as forças, entretanto, justamente quando te supunhas à frente da morte, Deus inspirou providências que te reequilibraram as energias, sem que te desses conta de semelhante favor.
Enganos lamentáveis, em certas ocasiões, talvez te houvessem marginalizado o entendimento, compelindo-te a desajustes começantes, mas Deus, em silêncio, usando meios que desconheces, te trouxe novamente à razão e à serenidade.
Afeições queridas, possivelmente, largaram-te o caminho, quando mais necessitavas de apoio e colaboração, nas tarefas em que te compromissaste, mas Deus, sem alarde, te curou as feridas da alma e te ofertou companhias outras mais nobres e mais úteis que te amparam no dever a cumprir.
Em todas as crises da experiência humana, nunca deixes de amar e compreender, desculpar e servir sempre.
Em qualquer circunstância, pensa em Deus.
Mesmo que hajas caído no mais profundo abismo, crê no bem e espera por Deus, porque Deus te levantará.

De “Urgência”, de Francisco Cândido Xavier, pelo Espírito Emmanuel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...