quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Respeito Próprio


Se você deseja ser feliz, respeite o seu próximo conforme a si próprio se deve respeitar.
Respeitar - e respeitar-se - significa dignificar-se, não agindo ou falando de forma comprometedora ou degradante.
Suas palavras e sua conduta em particular, quando a sós ou diante de alguém, devem ser destituídas de vulgaridade, concupiscência e despudor.
O homem de bem é sempre o mesmo em relação a si e aos demais.
Reconhece que Deus nele habita, sendo sua testemunha permanente e cuja lei se encontra inscrita na sua consciência, que anui aos comportamentos que lhe são compatíveis com o desenvolvimento.
Quando desperta para a responsabilidade, não mais se compadece das falhas morais e hábitos viciosos, perturbando-se, inevitavelmente, quando eles se apresentam.
Ao dar-se conta da presença de Deus em toda parte, modifique-se para melhor e assuma a postura consentânea com a sua forma de crer, de compreender, que lhe traçam diretrizes seguras de como viver.
Atento à compreensão de que é tabernáculo de Deus, como também o é o seu irmão, não se permita entibiar nos valores éticos enobrecidos, nem se faculte o cultivo de lixo moral nas memórias da sua existência.
O seu compromisso, na atual reencarnação, é desvelar cada vez mais o seu Deus interno até que ele o comande em todos os atos. Por extensão, desenvolva esse sentimento de respeito a todos os seres vivos, deles cuidando e preservando-os.
Assim raciocinando você insculpirá o hábito saudável de considerar tudo e todos como de magna importância, contribuindo, lucidamente, para a evolução dos seres e da Terra.
Seja, então, severo em relação as suas faltas, cuidando de evitá-las, de corrigi-las, ou eliminá-las.
A melhor maneira de respeitar-se, é assumir a decisão de progredir, evoluindo moralmente de dentro para fora. Quem assim não o faz, a outrem não respeita nem considera, ignorando ou desprezando a presença divina nele próprio e nos demais.
A sua vida reflete-se na vida dos outros, que por sua vez se refletirão em todas as vidas, tornando-se um espelho para você e para os outros, influenciando-se reciprocamente.
Respeitando-se e respeitando, você apressará o progresso próprio e da humanidade que espera pela sua decisão.

Marco prisco / Divaldo Pereira Franco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...