domingo, 4 de setembro de 2016

A Violência no Homem - Luis Postiglioni

O homem liberta-se lentamente do bruto que nele predomina, deixando aflorar seus inesgotáveis recursos latentes.
Tem-se dito que o “homem é o produto do meio”, porém é ele quem constrói o meio ambiente onde vai viver.
A violência, portanto, é um vestígio dos instintos primitivos do ser humano, que a educação submete e orienta.
As feras atacam por instinto. O egoísmo, libertando os instintos agressivos das frágeis cadeias morais, faz o homem desleal e cruel.
Além do impulso que destrói, são violentos os atos de suborno, de negociações desonestas, de lucros exagerados, de negativas aos direitos alheios, de manter a ignorância, de cultivar o pessimismo, de exploração, de perturbação da paz, de negar cooperação.
A violência desaparecerá quando o homem, escutando as vozes da razão e do amor, compreender quão transitória é sua vida física e perene a vida espiritual.
Então, trocará a agressividade pela mansidão dinâmica, a mensageira da paz desejada.

Livro: Rumo às Estrelas - Luís Postiglioni / Médium Divaldo Pereira Franco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...